Fundamental Manutenção Sustentável
Tel: +55 31 2510-0070

Notícias

Home / Notícias / Variados

PIB DE 101 MUNICÍPIOS DA PARAÍBA CRESCE ACIMA DA MÉDIA

PIB DE 101 MUNICÍPIOS DA PARAÍBA CRESCE ACIMA DA MÉDIA

Aumento da indústria, comércio em expansão e maior poder de consumo da população foram alguns dos fatores que contribuíram para o crescimento nominal do Produto Interno Bruto (PIB) em uma centena de municípios da Paraíba. Da Zona da Mata ao Sertão, 101 cidades do Estado tiveram alta acima da média paraibana (10,93%), de acordo a mais recente divulgação do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O maior crescimento veio do Litoral Norte, no município de Mataraca, que cresceu 26,6% o seu PIB. Em 2010, a cidade contabilizava um PIB nominal de R$ 63,720 milhões, saltando para R$ 80,676 milhões em 2011. Na avaliação do atual secretário de Administração, Finanças e Planejamento de Mataraca, João Cavalcante da Cruz, a expansão da indústria e as riquezas naturais da região influenciaram toda uma cadeia econômica na cidade, gerando aumento da riqueza no município. “Muitas indústrias estão chegando em nossa cidade. Além de aumentarem arrecadação via tributos, elas movimentam a economia da cidade, geram empregos e renda para a população, movimentam nosso comércio, além de abrir mercado para pequenas empresas que atendem as indústrias”, disse o secretário.

A Cristal Mineração é uma dessas empresas que alavancaram o crescimento do PIB do município. Ocupando uma área de 1.050 hectares, a mineradora faturou cerca de R$ 120 milhões no ano passado, exportando minérios para França e Estados brasileiros. Segundo o gerente geral da mineradora, Geraldo Moraes, a empresa é importante para o aumento da riqueza da região. “Mataraca é um município pequeno, mas, em termos de mineração, temos produção e faturamento muito positivos, isso traz uma boa contribuição de recursos advindos de nosso faturamento, por meio  de nossos impostos, além da geração de emprego e renda”, disse Geraldo. No total são 160 funcionários efetivos e 120 contratados na Cristal Mineração, que extrai quatro minérios: cianita, iumenita, virconita e butilo.

Para o secretário de Administração, Finanças e Planejamento de Mataraca, a expectativa é que as empresas continuem impactando de forma expressiva a economia da cidade. “A cada ano registramos maior presença de empresas em nossa região. Elas com certeza influenciam no resultado de nosso PIB. Somos ricos em minérios e temos uma localização privilegiada para ventos, o que acaba trazendo indústria de minério e usina eólica para região. A economia continua aquecida, a população continua com emprego e o comércio movimentado”, destacou João Cavalcante.

Entre 2010 e 2011, o crescimento das empresas em Mataraca foi de 80,95%, segundo pesquisa do IPC Maps, instituição que pesquisa o potencial de consumo da população brasileira. Em 2010, eram 84 empresas instaladas na cidade, sendo oito do setor industrial, 34 de serviços, cinco agribusiness e 37 comércios. No ano seguinte, houve aumento em todos os setores: foram 11 empresas do setor industrial, 71 de serviços, sete de agribusiness e 63 do comércio, totalizando 152 empresas.

Este crescimento, de acordo com os dados do IPC Maps, afetou diretamente o poder de consumo da população, estimada em 7.952 pessoas. Em 2010, o potencial de consumo de Mataraca era de R$ 40,2 milhões, passando para R$ 51 milhões, em 2011, crescimento de 26,86%.

Fonte: Jornal da Paraíba